header top bar

section content

VÍDEO EXCLUSIVO: Cajazeirense nomeado bispo da Arquidiocese de São Paulo fala sobre família e política

Como filho natural de Cajazeiras, o Dom Cícero fala sobre seu nascimento e seu batismo que aconteceu na Catedral da Piedade, onde quando tinha seis meses mudaram para o município de Baixio

Por Diário

20/05/2022 às 17h58

Dom Cícero Alves de França, cajazeirense nomeado bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, celebrou na quarta-feira, dia 11 de maio, no município de Baixio, no interior do Ceará, uma missa em memória dos seus falecidos pais, na Igreja Matriz. Costumeiramente, o religioso celebra a memória dos seus pais na cidade cearense.

Em entrevista exclusiva à TV Sul Cariri, afiliada a TV Diário do Sertão no estado do Ceará, Dom Cícero Alves relata que nasceu no Hospital Regional de Cajazeiras na Paraíba, mas que com pouco mais de seis meses de vida, seus pais decidiram morar em Baixio. Antes da viagem, os pais decidiram batizar o filho, na igreja Catedral Nossa Senhora da Piedade, em uma celebração presidida por Dom Zacarias Rolim de Moura. Anos depois, a família viajou para São Paulo aonde permaneceu até o falecimento.

Na entrevista, Dom Cícero Alves fala sobre a iniciação na fé e que descobriu sua vocação quando morava em São Paulo.

“Foi interessante porque agora com a minha nomeação muitas pessoas não sabiam que eu era paraibano, as pessoas ficaram surpresas lá em São Paulo. Meu pai tinha um amor muito grande por Cajazeiras e antes dele morrer, quando a minha mãe faleceu, nós fomos lá e ele pode me mostrar aonde eu fui batizado, o hospital aonde eu nasci. Então é um misto de sensações por eu ter vivido lá tão pouco tempo, seis meses apenas, mas nasci pra fé lá, na pia batismal aonde Deus me olhou e me chamou por primeiro”, disse.

O cajazeirense nomeado bispo da Arquidiocese de São Paulo, Dom Cícero Alves disse que ficou surpreso diante das demonstrações dos paraibanos quando ele foi nomeado pelo Papa Francisco. O religioso disse que retornará à Cajazeiras quando houver o convite da Diocese.

”Se tiver a oportunidade e for convidado irei com alegria”, disse.

IGREJA E POLÍTICA

Em relação a polarização política no Brasil, por conta das eleições 2022, o bispo disse que os cidadãos precisam ter consciência na hora do voto e que a Igreja Católica é apartidária.

”A igreja não tem partido, mas é obvio que todo homem é um ser político por natureza. A política não está desvinculada da fé, porque a fé, ela exatamente ajuda a gente a delinear caminhos. Eu diria que a palavra chave para o momento é discernimento. Vencer as miragens e escolher o caminho certo. Num tempo de muitas propostas, de muita confusão e muita ideologia, se faz necessário, pedirmos a graça do discernimento”, disse.

Dom Cícero Alves de França. Foto: TV Sul Cariri / Diário do Sertão

TRAJETÓRIA

O Padre Cícero Alves de França nasceu em Cajazeiras, no dia 13 de março de 1975. Ele ingressou no Seminário da Arquidiocese de São Paulo em 1996, e em 1997 no Seminário de Filosofia Santo Cura D’Ars, da mesma Arquidiocese, para cursar Filosofia. Concluiu o curso em 1999 pela Faculdade Associada do Ipiranga (FAI), de São Paulo. Ingressou no Seminário Bom Pastor, da Arquidiocese de São Paulo, a fim de cursar Teologia na Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, da Arquidiocese de São Paulo, concluindo em 2003.

Possui pós-graduação em Formação Sacerdotal (2008) pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma; em 2009 concluiu o mestrado em Teologia da Espiritualidade pela Pontifícia Universidade Gregoriana; possui pós-graduação em Cousenling pela Faculdade Vicentina (2018) e graduação em História pela Universidade Unicesumar (2020). Atualmente é doutorando em Teologia da Espiritualidade pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma.

Sua ordenação presbiteral se deu no dia 07 de março de 2004, na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, da Arquidiocese de São Paulo, pela imposição de mãos do cardeal Cláudio Hummes.

CEARÁ 1

CARGA DE FRIOS

VÍDEO: Motorista de caminhão saqueado em Pombal ficou como refém dos bandidos por quase 24 horas

SAÚDE EM PAUTA

VÍDEO: Aumento de casos de tuberculose e abandono de tratamento gera preocupação na Paraíba, alerta SES

SANTIDADE E DEVOÇÃO

VÍDEO: Sacerdote diz que beatificação da Menina Benigna incentiva canonização do Pe. Rolim em Cajazeiras

CASO EM INVESTIGAÇÃO

VÍDEO: Bandidos saqueiam caminhão de frios em Pombal e abandonam veículo; motorista está desaparecido

Recomendado pelo Google: