header top bar

section content

FÉ! Sanfoneiro toca ajoelhado para estátua de Frei Damião em Sousa e paga promessa: “Eu vi ele”

Natural do Ceará, o sanfoneiro veio até a cidade de Sousa pagar uma promessa a Frei Damião

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

17/07/2018 às 07h31 • atualizado em 17/07/2018 às 07h42

O músico conhecido como Edilson do Acordeon, tem 48 anos, é natural de Limoeiro do Norte no Estado do Ceará, mas, neste domingo (15), esteve na cidade de Sousa, Sertão da Paraíba, visitando a estátua de Frei Damião para pagar uma promessa.

O sanfoneiro afirmou que veio de ônibus em uma viagem que durou cerca sete horas até chegar no ponto mais alto do município de Sousa, denominado “Serrote da Benção de Deus”, local onde está localizada a estátua de Frei Damião. Ao chegar no local, o músico pegou o instrumento, ajoelhou-se e começou a tocar a música “Frei Damião” de Luiz Gonzaga.

Estátua de Frei Damião em Sousa (Foto: Diário do Sertão)

A promessa
Em entrevista ao Diário do Sertão, ele afirmou que há alguns anos ele ficou doente e começou a sonhar frequentemente com Luiz Gonzaga e uma vez, durante a madrugada ao acordar ele teria avistado Frei Damião ao lado de sua cama:

“Em um dos sonhos eu vi Luiz Gonzaga tocando a música A vida do Viajante, quando acordei na madrugada, sentei na cama e vi Frei Damião ao lado, eu tentei tocar nele, mas, logo a imagem desapareceu”, disse Edilson do Acordeon.

Edilson do Acordeon (Foto: Diário do Sertão)

Contato para shows
Edilson do Acordeon sobrevive com o dinheiro que ganha em shows, aniversários e outros eventos. Contato através do números: 88999269662 ou 88992684265

DIÁRIO DO SERTÃO

ENTREVISTA ESPECIAL

DIA DO MÉDICO: Um dos médicos mais respeitados de Cajazeiras relata fatos marcantes do seu ‘sacerdócio’

RESULTADOS MARCANTES

VÍDEO: Na capital, jornalista cajazeirense avalia vitória de Azevêdo e derrota de Cássio: “Foi um marco”

ACONTECE EM NOVEMBRO

VÍDEO: Secretária da Prefeitura e gerente do Sebrae dão detalhes sobre a feira Expo Negócios Cajazeiras

EPISÓDIO 5

VÍDEO: Programa Coisas de Cajazeiras especial reverencia os mestres na arte de educar: os professores