header top bar

section content

Investir em ações na Nasdaq é uma boa opção em 2020?

Os valores de cotas negociadas no índice Nasdaq 100 Index, índice que engloba as 100 melhores empresas de tecnologia da bolsa norte-americana, aumentaram mais de US$ 7 trilhões.

Por Conteúdo digital

19/02/2020 às 15h47

Investir em ações na Nasdaq

As ações da Nasdaq (National Association of Securities Dealers Automated Quotations), bolsa de valores norte-americana especializada na negociação de ativos de empresas de tecnologia, subiram assustadoramente na última década. De 2009 a 2019, os valores de cotas negociadas no índice Nasdaq 100 Index, índice que engloba as 100 melhores empresas de tecnologia da bolsa norte-americana, aumentaram mais de US$ 7 trilhões.

Em 2019, a alta dos valores das ações impressionou até os mais otimistas. a Apple dobrou de preço; a Microsoft aumentou 60% e o Facebook cresceu 50%. Em suma, 2019 foi o melhor ano da década para a Nasdaq, o que tem deixado os investidores mais tradicionais um tanto desconfiados.

A principal dúvida dos investidores é se o desenho íngreme demais na curva de ascensão da Nasdaq não pode significar que o ciclo de crescimento esteja alcançando seu pico, podendo, dali em diante, apenas cair. A vulnerabilidade das ações, que poderiam não encontrar apenas na alta promissora seus próprios fundamentos para crescer, tem rondado os investidores.

A preocupação dos analistas é que a alta acelerada demais tenha tirado o fôlego dos investidores, sentimento compartilhado pelo presidente da empresa de análises e recomendações do mercado de investimento Yardeni Reserch, Edward Yardeni. Ele acredita que a alta muito otimista fez os valores das ações de tecnologia subirem sem uma parede de preocupações típica dos mercados de investimentos, o que não teria acontecido se a alta ocorresse em ritmo menos acelerado.

Para os novos investidores, significa que começar a investir na Nasdaq nesta década tende a ser mais caro e talvez nem tão lucrativo. As ações são negociadas a 34 vezes mais seus lucros anuais, o que dá sinais de que gigantes do mercado estão negociando papéis a valores bem elevados. Na outra ponta, investidores de longo prazo tendem a ter uma boa rentabilidade investindo nas empresas do Nasdaq 100 Index, uma vez que a tendência para a década inteira, até 2030, é de crescimento.

A dica geral é investir em empresas que têm aumentado sua atuação no ramo das nuvens. A Amazon e a Alphabet, empresa controladora da Google, têm despontado nessa tecnologia e feito suas ações e lucros subirem. Mas outras empresas mais tradicionais, como a Microsoft, também são boas alternativas, especialmente para os investidores menos ousados e que preferem correr poucos riscos em tempos de incerteza. A Microsoft tem um histórico de sólidos dividendos.

Como investir na Nasdaq?

Para investir em bolsas no exterior, os brasileiros precisam adquirir nas bolsas brasileiras recibos que representam ações listados lá fora, os chamados Brazilian Depositary Receipts (BDRs). Atualmente, os brasileiros podem comprar mais de 200 ações estrangeiras, por meio de BRDs. Para se ter uma ideia do aquecimento do setor entre os brasileiros, os BRDs da Apple valorizaram 94,88% em 2019, os da Mastercard 70,68% e os da Qualcomm, 67,62% no mesmo ano. Os dados são da Economatica, publicados pela Exame.

Além dos BRDs, também é possível investir na Nasdaq por meio dos Exchange Traded Funds (ETFs) que são fundos de índice que funcionam espelhando os valores de cotas estrangeiras para o mercado nacional. Há dois tipos de ETFs mais comuns entre os investidores brasileiros, por suas boas rentabilidades. O IVVB11 e o SPXI11, administrados por gestores diferentes, tem umas das melhores rentabilidades do mercado e replicam o desempenho do índice S&P 500, 500 maiores empresas norte-americanas. O investimento é feito em dólar.

Quais índices Nasdaq acompanhar?

Quando se trata de Nasdaq, o principal índice é o Composite (NasdaqI:Compx), uma vez que ele considera todas as empresas listadas na bolsa e acaba servindo como um indicador de todo o setor da tecnologia. Para além do Composite, a Nasdaq funciona com outros indicadores, organizados pelo segmento de mercado em que as companhias de tecnologia trabalham, como transporte, biotecnologia e fintech. Os índices mais relevantes para acompanhar são os seguintes:

Nasdaq Composite Index
Nasdaq 100 Index
Nasdaq Transportation Index
Nasdaq Biotechnology Index
Nasdaq Financial-100 Index

Ficar de olho nesses índices e em outros similares permitirá que o investidor tenha mais segurança para apostar em ações da Nasdaq. Embora o momento seja de aguardar, não é possível prever o que será das empresas de tecnologia no ano de 2020.

Tags:
NOVAS MEDIDAS

VÍDEO: Prefeito de Sousa autoriza reabertura do Mercado Central, salões de beleza e academias

EM CASA OU PRESENCIALMENTE?

VÍDEO: Vice-presidente da OAB-PB explica como está funcionando a Justiça durante a ‘quarentena’

AGUARDANDO

VÍDEO: Com medo de contrair coronavírus, cajazeirense diz que só volta da Espanha quando epidemia passar

VAMOS RIR!

VÍDEO: Famoso humorista conta trajetória e piadas no Diário News para descontrair isolamento social

Recomendado pelo Google:
Conteúdo Protegido!