header top bar

section content

Suspeito de estuprar filha de 13 anos presta depoimento em delegacia e é liberado, no interior do Ceará

A Polícia Civil pediu à Justiça a prisão preventiva. O caso aconteceu no último domingo (1º), em uma casa situada na Rua Santa Terezinha, no Bairro Rodagem do Lago.

Por Ceará 1 com G1CE

04/09/2019 às 07h20

De acordo com a polícia, agentes de segurança foram acionados para socorrer a menina que era abusada

Um homem suspeito de abusar sexualmente da própria filha de 13 anos, na cidade de Camocim, no interior do Ceará, foi detido na tarde desta terça-feira (3). Segundo a Polícia, o homem prestou depoimento na delegacia do município e em seguida foi liberado, porque não estava mais em situação de flagrante. A Polícia Civil pediu à Justiça a prisão preventiva do suspeito. O caso aconteceu no último domingo (1º), em uma casa situada na Rua Santa Terezinha, no Bairro Rodagem do Lago.

De acordo com a polícia, agentes de segurança foram acionados para socorrer a menina que era abusada. A polícia afirmou que a irmã mais velha da vítima, de 17 anos, presenciou o pai e a adolescente dentro de um quarto. Ambos estavam despidos.

O homem, ao perceber que a filha mais velha viu a cena, fugiu. A menina de 13 anos, que segundo a polícia apresenta distúrbios psicológicos, detalhou os abusos em depoimento.

O suspeito tem passagem pela Polícia por tráfico de drogas.

Fonte: Ceará 1 com G1CE - https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/2019/09/03/suspeito-de-estuprar-filha-de-13-anos-presta-depoimento-em-delegacia-e-e-liberado-no-interior-do-ceara.ghtml

Tags:

Recomendado para você pelo google

DINHEIRO NO BOLSO

VÍDEO: Show e Prêmios Alô da Sorte realiza mais um sorteio mensal da rodada extra; Saiba quem ganhou

PROFESSORES CONTRATADOS

VÍDEO: Após pressão de vereador, prefeitura de Cajazeiras confirma pagamento de salários atrasados

VIOLÊNCIA SEM PARAR

VÍDEO: Jovem é morto com vários tiros e mulher fica ferida após ser vítima de bala perdida em Cajazeiras

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime